top of page
  • Foto do escritorLiah'ah

A Vida Cotidiana de uma Merlin Moderna - História 1 - Dia do Eclipse Solar


Olá meus queridos, é com grande honra que compartilho com vocês a primeira história da série "A Vida Cotidiana de uma Merlin Moderna".


Sinto que é importante, antes de começar a história, contar um pouco sobre o nome dessa série.


Esse nome surgiu há mais ou menos 3 anos. É o nome do documento na minha conta do Google onde escrevi centenas de histórias, desabafos e até mesmo aquilo que chamo de autoterapia. Enfim, o simples fluir da consciência através das palavras. Pensei em gravar um podcast com esse nome ou então fazer vídeos no youtube, mas até o presente momento, esse era apenas o nome do meu "diário". Agora, quer dizer, há mais ou menos 2 minutos, quando abri o editor para postar esse artigo, é que decidi que o nome seria usado para compartilhar histórias aqui no blog. Acho esse nome bem interessante, porque se trata das experiências pós-realização. Ou seja, meu caminho de incorporar minha luz. É muito importante falar disso, porque existe um conceito de que a iluminação é um tédio, de que o mestre iluminado passa o dia meditando e vive escondido na floresta longe de todo mundo. Mas na verdade os mestres iluminados hoje em dia estão no meio da vida, bem no meio do caos do mundo, nas grandes cidades, eles tem empregos, pagam contas, tem famílias... Pessoas Iluminadas continuam sendo pessoas!


Nessa série de histórias da "vida cotidiana" vou compartilhar o quão ordinária a vida de um ser iluminado pode ser, e o quão extraordinária ela é ao mesmo tempo. Quanto a parte que se refere a "Merlin Moderna" isso faz referência a Magia da vida. Ser um ou uma Merlin significa conhecer a magia da vida, que nada mais é do que estar desperto, consciente. Nada a ver com truques ou varinhas mágicas. A magia é a consciência. Os Merlins do passado já sabiam disso, mas vale a pena acrescentar a palavra moderno, pois os desafios que um Merlin enfrenta hoje em dia são um tanto diferentes dos de antigamente.


Foto do momento do Eclipse - Maragogi - Alagoas


História 1 - O Dia do Eclipse


Semana passada tive a oportunidade de ver um Eclipse Solar.


O dia inteiro foi repleto de acontecimentos inesperados que me levaram a ver o Eclipse na praia.


Era sábado. Saí pela manhã pensando no trabalho e em pagar as contas. Pensei que não ia ver o Eclipse porque não havia conseguido comprar a tal da lente que protege os olhos, e estava com medo de olhar e prejudicar meus olhos. Então não estava esperando vê-lo, nem estava me importando muito com isso.


Fui para a praia e comecei meu trabalho vendendo arte, como costumo fazer aos sábados.


Uma coisa diferente desse dia é que em vez de ir para a mesma praia que vou todo fim de semana, fiquei na praia perto da minha casa. Essa foi a melhor escolha: em menos de 2 horas de trabalho eu já havia recebido a quantia que queria naquele dia. E com menos esforço.


Era cedo, então eu e meu companheiro Lucas decidimos continuar trabalhando, caminhando na areia.


Enquanto eu caminhava sozinha, um cara que estava em uma mesa me chamou e comprou uma pulseira para sua filha. Ele me perguntou como estava sendo meu dia, se as vendas estavam boas, de onde eu venho, e contei um pouco da minha história para ele. Então ele me convidou para sentar à mesa com ele e sua família. Sentei-me lá e ele me convidou para uma dose de uísque e pediu ao garçom uma garrafa de cerveja Stella Artois. Me permiti relaxar um pouco, e em poucos momentos Lucas se juntou a nós na mesa, para beber e conversar.


Enquanto conversávamos, a família nos convidou para almoçar com eles na casa deles (sim, usei a palavra “convidou” muitas vezes neste post, mas foi exatamente o que aconteceu: um fluxo de presentes. Bastava apenas recebê-los. O que para mim às vezes ainda é difícil, resistências e dúvidas continuam surgindo, mas assim que as percebo, escolho receber 🌟 e ir além delas. Tenho que admitir que Lucas está me ajudando a me sentir confortável recebendo)


Continuando a história: chegamos na linda casa deles e em poucos minutos a comida estava na mesa!


Comida típica do Nordeste do Brasil. Quem conhece a comida pernambucana sabe do que estou falando... Uma delícia!



foto da internet


Enquanto estávamos na casa deles, eles nos trataram como se fôssemos da família. Isso é algo que não vivi em nenhum outro lugar do Brasil, só aqui na região Nordeste, bem longe da minha cidade.


Sinto-me muito grata por poder viver esta experiência humana, por sentir como as pessoas se preocupam umas com as outras, como as pessoas estão abertas para dar sem expectativas.


E como tudo é minha energia: está tudo bem receber.


Ficamos na casa deles até quase o fim da tarde, quando sentimos que era hora de partir.


Agradecemos por tudo que nos deram naquele dia e Lucas deu uma pulseira de macramê para a menina.


Eles disseram que são nossos amigos e que podemos ligar para eles e ir lá quando quisermos.


Saímos da casa e estávamos indo ao supermercado, mas antes de chegarmos lá o Lucas me lembrou sobre o eclipse! Fomos direto para a praia novamente!


Assim que chegamos à praia e olhamos na direção do sol, lá estava: o eclipse solar!


Eu não conseguia acreditar que estava literalmente vendo o eclipse. Acreditei tanto na ideia de que não seria possível, que esqueci que era uma coisa tão fácil: bastava só olhar 🌙


A luz do sol estava sombreada pela lua e toda a atmosfera da praia era mágica!


Foi o primeiro eclipse que vi na minha vida. E vi tudo em vermelho, porque as lentes dos óculos de sol que eu estava usando são vermelhas.


O lindo formato da lua no sol... Um anel de fogo! Que milagre é o cosmos!! O visito tanto em Viagens Mágicas, vê-lo com os olhos físicos foi uma experiência bem diferente, senti a energia vibrando no meu corpo, na carne e nos ossos... Foi primoroso!




foto da internet


Como já disse antes, nesse dia eu tinha pensado apenas sair para um dia normal de trabalho, nem mesmo tinha colocado um biquíni para poder tomar banho no mar… o que não foi impedimento, mais uma vez Lucas me chamando pra vida. “Vem viver, para de dar desculpas!” E assim tomamos banho no delicioso mar de Maragogi sob a luz e energia do Eclipse!


Tão divertido e tão simples… nada mais é necessário além de permitir-se!




Mar de Maragogi - Alagoas


Essa é a primeira história.


Nos vemos em breve!


Liah'ah


25 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Lu Granada
Lu Granada
Oct 17, 2023

Maravilhosa ❤️

Like
bottom of page