top of page
  • Foto do escritorLiah'ah

Chame e Eles Virão - História 2

Esta é a segunda de uma série de histórias que estou compartilhando esta semana.



História 2: FM e as borboletas

Em maio de 2021 eu estava no processo de criação do meu website usando a plataforma wix.


Geralmente é tudo muito intuitivo e fácil por essa plataforma, mas ainda existem alguns desafios!


Ainda mais quando você é perfeccionista, e eu costumava ser. É outro aspecto que está sendo integrado, conforme percebo que não existe perfeição, exceto no Eu Sou.

Ou melhor ainda, que TUDO é perfeito como é.


Pois bem, além do perfeccionismo, eu também lutava um pouco com a tecnologia, e fazia as coisas parecerem ser mais difíceis do que realmente são.


Um dia, ao sentir a energia num nível de ineficiência assombrante, resolvi parar.


Parei e tomei uma respiração consciente. (toda mudança é precedida de pelo menos uma boa respiração consciente)


Respirando e liberando os pensamentos, escolhi que daquele momento em diante a tecnologia ia me servir, os softwares iam trabalhar ao meu favor e tudo seria fácil.


No dia seguinte, quando abri o editor de sites, observei como a energia respondeu a minha escolha: tudo foi fácil e divertido!


Eu estava procurando um novo fundo para a página inicial, e como mágica, o primeiro vídeo que a plataforma sugeriu era perfeito. Ele continha duas borboletas monarcas, laranjas, voando em câmera lenta ao redor de uma flor. Assim que cliquei sobre ele, aplicou-se ao site. Quase derramei uma lágrima de emoção ao ver aquelas borboletas dançando no “background” da minha criação.


Que simbólico, que perfeição divina!


A borboleta monarca é um símbolo Shaumbra, e este site está dedicado, inicialmente, para os Shaumbra. É um Espaço Seguro para Seres Soberanos.


Além disso, a borboleta foi o meu primeiro Pakauwah (também conhecido como totem). Um ser querido em meu coração.


Eu jamais teria encontrado algo tão perfeito se tivesse procurado! O melhor foi ter deixado isso vir até mim, sem digitar nenhuma letra na caixa de pesquisas.


A minha mente ficou questionando “com tantas coisas que podiam aparecer: oceanos, prédios… como foram aparecer justamente essas lindas borboletas laranjas?”


Pois deixem-me continuar a história.


Uma bela tarde liguei meu computador e abri o editor de textos para escrever um pouco no meu diário. Assim que abri o editor percebi que meu computador estava todo empoeirado. Peguei um pano e passei-o na tela e no teclado, removendo todo o pó.


Nesse momento olhei pela janela e o lindo dia lá fora me chamou a atenção, então caminhei até o quintal para admirar um pouco as árvores e aproveitar o sol. Eis que uma borboleta surge, preta, bem pequena, voou perto de mim, pousou na árvore ao meu lado, voou, voltou pra árvore.


- Olá, borboleta - eu disse.


Silêncio.


“Hm, tem algo interessante nessa borboleta” pensei “dizem que borboletas pretas podem simbolizar alguém que morreu e voltou para visitar…” olhei pra ela, que voava docemente “Ah! Tanto faz!”


Voltei para o meu quarto para enfim escrever no meu diário.


Quando olhei para o documento, na primeira linha estava escrito “fm,.;578”


- Ahhh, então é você que está no meu quintal! - eu disse, olhando pela janela.


Voltei ao quintal para cumprimentar a Borboleta-FM, que como de costume não respondeu nada.


É uma comunicação muito sutil.


A explicação mental é que na hora que passei o pano para tirar o pó, devo ter esbarrado nessas letras e números.


O que significa 578 para mim pouco importa, apenas senti a presença do meu amigo e isso foi suficiente para alegrar meu dia, não senti que devia ficar “interpretando sinais”.


Depois desse dia, cada vez que eu me sentei para editar o site eu convoquei a presença de FM.


- Mostre-me mais gráficos legais, gostei das borboletas que você me mostrou aquele dia - eu lhe disse numa ocasião


E assim ele achou uma linda flor que desabrocha lentamente e colocou-a bem na minha frente.




 

História 3 em breve!


Liah'ah


53 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page